Home / Notícias / A importância da cirurgia refrativa na saúde ocular e seus avanços

A importância da cirurgia refrativa na saúde ocular e seus avanços

Tema será abordado durante o XVIII Congresso Internacional de Catarata de Cirurgia Refrativa, que acontecerá em São Paulo, de 16 a 19 de maio
 A visão é o principal contato do ser humano com o mundo externo, por isso ela necessita de cuidados frequentes que precisam ser observados para proteção dos olhos.

Como grande parte das informações recebidas por uma pessoa vem por meio dos olhos, manter a acuidade visual é primordial para que pequenas atividades do dia a dia não fiquem prejudicadas. No entanto, quando a visão fica acometida por alguma deficiência ocular, como miopia, hipermetropia, astigmatismo ou presbiopia (conhecida como vista cansada), a Cirurgia Refrativa é a opção mais indicada para tratar estes principais erros de refração.

Os benefícios do procedimento revelam que ele é um tratamento completo, com significativas taxas de sucesso, se mostrando como um método eficaz na correção dos erros refrativos.

De acordo com o Oftalmologista Dr. André Okanobo (CRM-SP114979), membro da Associação Brasileira de Catarata e Cirurgia Refrativa (ABCCR-BRASCRS) e Diretor de Cursos e Publicação (Seção Refrativa) do XVIII Congresso Internacional de Catarata e Cirurgia Refrativa, que acontecerá em São Paulo no período de 16 a 19 de maio, a cirurgia refrativa é um procedimento que não requer internação, com recuperação pós-operatória rápida, possibilitando ao paciente breve retorno às atividades rotineiras.

Avanços da cirurgia refrativa

Na linha do tempo dos avanços tecnológicos da Cirurgia Refrativa observa-se o desenvolvimento de importantes métodos que vieram para auxiliar o oftalmologista.

Na década de 90, o surgimento do Excimer Laser revolucionou a cirurgia refrativa. Tendo principalmente duas técnicas. Uma chamada de PRK, termo utilizado da língua inglesa (photorefractive keratectomy) ou ceratectomia fotorefrativa. Esta consiste na remoção do epitélio da córnea e aplicação do Excimer Laser para esculpi-la sem nenhum corte, corrigindo assim a miopia, hipermetropia ou astigmatismo; porém com uma recuperação da visão mais lenta. A outra técnica seria o LASIK, termo utilizado da língua inglesa (laser-assisted in situ keratomileusis) ou delaminação corneana com fotoblação estromal. Esta técnica consiste na realização de um corte na córnea para confecção de uma lamela e, assim realizar a aplicação do Excimer Laser para corrigir a miopia, hipermetripia ou astigmatismo. Esta apresenta uma recuperação mais rápida da visão. A lamela do LASIK pode ser confeccionada manualmente com um microceratomo ou através de um laser chamado de Femtosegundo que proporciona um corte mais preciso e seguro”. relata Dr. André Okanobo.

Entre os principais avanços da cirurgia refrativa consta a mudança do Excimer Laser de “broad beam” para “flying spot”, ou seja, de um feixe de laser amplo para vários feixes de laser localizado, proporcionando uma maior precisão, rapidez, menor consumo de tecido e energia para o tratamento refrativo. “Esta alteração impacta na melhora do perfil de ablação do Excimer Laser podendo ser Customizada, Prolada (presbiopia), Topoguiada ou Guiada por Frente de Onda, personalizando a cirurgia de acordo com o olho de cada paciente. Além disso, houve o aumento da precisão e rapidez do rastreamento dos olhos durante a cirurgia, que chamamos de “eye tracker . Na última década, também ocorreu o surgimento de uma nova técnica chama SMILE, sigla em inglês para Extração Lenticular com Pequena Incisão. Este método foi desenvolvido para corrigir a miopia de forma menos invasiva”.

Outro avanço aconteceu com a técnica de superfície (PRK) que passou a utilizar um medicamento chamado de mitomicina para prevenção do “haze”, uma resposta cicatricial muito agressiva. “A resposta cicatricial corneana no PRK é muito mais intensa quando comparada com a LASIK. Por isso, a utilização da mitomicina ajuda a prevenir complicações no PRK”, explica Dr. André Okanobo.

O surgimento de novas tecnologias e procedimentos têm tornado a cirurgia refrativa cada vez mais precisa e eficaz. Estes novos métodos serão debatidos com riqueza de detalhes e apresentação de casos clínicos durante o XVIII Congresso Internacional de Catarata e Cirurgia Refrativa, organizado pela ABCCR-BRASCRS.

(*) Consulte grade científica completa:

http://www.brascrs2018.com.br/evento/ciccr2018/programacao/aberta?grade=7

SERVIÇO

XVIII Congresso Internacional de Catarata e Cirurgia Refrativa

Data: 16 a 19 de maio de 2018

Local: Transamérica Expo Center – São Paulo

Sobre ABCCR

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE CATARATA E CIRURGIA REFRATIVA (ABCCR) tem sua origem na incorporação da Sociedade Brasileira de Catarata e Implantes Intraoculares (SBCII), fundada em 16 de março de 1982, pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Refrativa (SBCR), fundada em 20 de janeiro de 1985. A ABCCR visa congregar oftalmologistas, ampliar o estudo e acompanhar o desenvolvimento de todos os aspectos técnicos e científicos inerentes à cirurgia de catarata, aos implantes intraoculares e da cirurgia refrativa, propagando-os aos oftalmologistas e estendendo seus benefícios à comunidade.

Sobre Priscila Torres

mm
O diagnóstico de uma doença crônica, em 2006, me tornou, blogueira e ativista digital da saúde. Sou idealizadora do Grupo EncontrAR e Blogueiros da Saúde. Vice-Presidente do Grupar-RP, presidente do EncontrAR. Apaixonada por transformação social, graduanda em Comunicação Social "Jornalismo" na Faculdades Unidas Metropolitanas.

Além disso, verifique

Participação Social em Saúde

Que tipo de pesquisa é essa? Trata-se de uma pesquisa científica, de pós-doutorado, com objetivo …

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto:
Pular para a barra de ferramentas