Home / Notícias / Método permite que pessoas com paralisia total se comuniquem

Método permite que pessoas com paralisia total se comuniquem

Um estudo recente, realizado pelo Wyss Center, na Suíça, e publicado no periódico PLOS Biology, teve sucesso em facilitar a comunicação de pessoas com paralisia total. Um computador foi usado para “ler os pensamentos” dos pacientes, identificando respostas simples como “sim” ou “não”.

Quatro pacientes com esclerose lateral amiotrófica em estágio avançado participaram do estudo. A doença faz com que seus cérebros não sejam mais capazes de controlar os músculos, deixando-os presos dentro de seus próprios corpos. Em muitos casos, desenvolve-se a comunicação com base nos movimentos dos olhos, mas os pacientes que participaram da pesquisa já não conseguiam isso.

De acordo com os cientistas, o método trouxe uma grande melhora para a vida dos quatro pacientes que testaram a tecnologia. A atividade das células cerebrais muda os níveis de oxigênio do corpo, o que altera a cor do sangue. Os cientistas conseguiram detectar a coloração sanguínea no interior do cérebro por meio de uma técnica chamada espectroscopia de infravermelho. Foram feitas, então, perguntas de respostas tipo “sim” e “não”, como “o nome de seu marido é Joaquim?”, para treinar o computador na interpretação dos sinais cerebrais.

A precisão do sistema chegou a 75%, o que significa que os pacientes precisam ser questionados várias vezes para se ter certeza de suas respostas.

O pesquisador Ujwal Chaudhary, um dos cientistas que participou do estudo, disse que isso é uma melhora significativa na qualidade de vida destes pacientes. “Imagine se você não tem nenhuma forma de se comunicar e passa a poder dizer ‘sim’ ou ‘não’. O impacto é enorme”, disse ele.

A técnica está sendo usada para fins práticos do dia a dia, como para saber se um paciente está sentindo dor ou quer receber uma visita da família.

Fonte: http://opiniaoenoticia.com.br/internacional/metodo-permite-que-pessoas-com-paralisia-total-se-comuniquem/

Sobre Priscila Torres

mm
O diagnóstico de uma doença crônica, em 2006, me tornou, blogueira e ativista digital da saúde. Sou idealizadora do Grupo EncontrAR e Blogueiros da Saúde. Vice-Presidente do Grupar-RP, presidente do EncontrAR. Apaixonada por transformação social, graduanda em Comunicação Social "Jornalismo" na Faculdades Unidas Metropolitanas.

Além disso, verifique

IX Fórum Nacional de Medicamentos no Brasil – Diabetes

O Diabetes continua sendo uma das principais causas de morte no mundo. A Organização Mundial …

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto:
Pular para a barra de ferramentas