Home / Sem categoria / Abrami- Associação Brasileira de Miastemia

Abrami- Associação Brasileira de Miastemia

 

A Abrami está inscrita para o I Encontro Nacional de Blogueiros e Ativistas em Redes Sociais da Saúde.

A associação brasileira de miastenia tem como objetivo apoiar e lutar pelos direitos dos portadores miastênicos e seus familiares, contribuindo com o acesso à informação sobre a doença e seu tratamento.    http://www.abrami.org.br/abrami


Miastenia Grave
Miastenia
A miastenia grave (miastenia gravis) é uma doença crônica caracterizada por fraqueza muscular e fadiga rápida quando o músculo é exigido.
Esse cansaço tende a aumentar com o esforço repetitivo e a diminuir com o repouso. Daí o nome, que significa fraqueza muscular grave. É causada por uma súbita interrupção da comunicação natural entre nervos e músculos.
A miastenia grave (miastenia gravis) é uma doença crônica caracterizada por fraqueza muscular e fadiga rápida quando o músculo é exigido. Esse cansaço tende a aumentar com o esforço repetitivo e a diminuir com o repouso.
As palavras “Myasthenia gravis” têm origem grega e latina, “mys” = músculo, “astenia” = fraqueza e “gravis” = pesado, severo. Daí o nome, que significa fraqueza muscular grave. É causada por uma súbita interrupção da comunicação natural entre nervos e músculos.
Aparece mais freqüentemente como uma doença autoimune – causada pelo ataque de anticorpos às fibras musculares, impedindo a sua contração.Como resultado, as fibras musculares afetadas acabam se atrofiando ou se degenerando, causando dificuldades para realizar movimentos como abrir e fechar os olhos, falar, mastigar, engolir, mover a cabeça, pegar, andar.
Há também formas congênitas de miastenia grave, adquiridas por herança genética (no nascimento). Nessas formas, um ou mais genes – que são como receitas para a construção de proteínas no nosso organismo – apresentam mutações, que resultam em má-formação de estruturas nos nervos ou nos músculos e, conseqüentemente, em dificuldades para realizar movimentos.

Os sintomas mais comuns são:
Visão dupla
Ptose palpebral (pálpebras caídas)
Dificuldade para falar ou engolir
Cansaço ao mastigar
Dificuldade para respirar
Dificuldade de sustentação da cabeça
Fraqueza nos músculos dos braços e pernas
Cansaço rápido depois de movimentos repetitivos

Fatos sobre Miastenia Grave

A miastenia grave afeta apenas os músculos controlados voluntariamente. Não afeta, portanto, músculos do coração. Embora possa aparecer em qualquer idade, é mais comum em mulheres menores de 40 anos e homens maiores de 60 anos. Segundo dados da Organização Mundial de Saúde – OMS, de 3 a 5 indivíduos a cada 10 mil são afetados por miastenia grave. Embora ainda não haja cura para a miastenia grave, há tratamentos que, em boa parte dos casos, podem manter a doença sob controle e até fazê-la regredir. 

Sobre Priscila Torres

mm
O diagnóstico de uma doença crônica, em 2006, me tornou, blogueira e ativista digital da saúde. Sou idealizadora do Grupo EncontrAR e Blogueiros da Saúde. Vice-Presidente do Grupar-RP, presidente do EncontrAR. Apaixonada por transformação social, graduanda em Comunicação Social "Jornalismo" na Faculdades Unidas Metropolitanas.

Além disso, verifique

Convite para pacientes com doenças reumatológicas de todo o Brasil

Pedimos sua contribuição por meio da resposta ao formulário online no link https://goo.gl/forms/GfCcMbT0azDLk4fg2 A pesquisa …

um comentário

  1. Bom dia só portado de miastenia gravis desde 2009 esse ano tô sentindo muita fraqueza fala ruim engolir tbm. Tô tomando corticóide 20 MG, 2 mestinon de manhã e 2 omeprazol sera q corticóide não tá fazendo mais efeito?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para a barra de ferramentas