Home / Notícias / 3 dicas que vão ajudar a sua startup nas mídias sociais

3 dicas que vão ajudar a sua startup nas mídias sociais

Como uma startup, é provável que a melhor maneira de chegar ao seu mercado-alvo seja por meio de marketing online. O primeiro passo é estruturar uma boa campanha de e-mail marketing, pois ele continua sendo bastante eficaz. Aconselho que o passo seguinte para a sua startup seja dar uma olhada em mídias sociais como uma plataforma de marketing (se você ainda não tiver feito isso).
Agora, todos nós sabemos o quão penetrantes são as mídias sociais para se explorar qualquer grupo de consumidores, mas muitos não conseguem ver o potencial em marketing de mídia social. Algumas empresas percebem o ROI em mídia social, como curtidas, compartilhamentos e comentários, e isso não é benéfico para a empresa.Espero muito que você não seja este tipo de pessoa. Se não for, aqui estão três razões pelas quais o marketing de mídia social pode funcionar para sua startup:

1 – Ouça o seu público

O marketing de mídia social oferece um aspecto único de pesquisa que qualquer outra forma de pesquisa de marketing não pode alcançar: o acesso ao feedback do mercado de longo alcance a um custo extremamente baixo. Existem hoje diversas ferramentas de monitoramento para marcas em mídias sociais, mas estamos no começo e a grana está curta, certo? Que tal checar o inbox da fanpage? Procure por hashtags sobre sua área no Twitter. Responda a perguntas feitas em comunidades. Seja proativo e vá atrás de seu público. Dá trabalho, mas saber o que o seu público quer é uma forma fácil de começar. E quase de graça, né?

2 – Construa sua própria comunidade de fãs apaixonados

Aqui está a verdade inevitável: o custo de funcionamento de uma startup tem aumentado ao longo dos últimos anos, e fazer publicidade está ficando mais e mais caro. A solução para qualquer CEO de startup, agora, é reduzir o seu custo com marketing e publicidade, tentando aumentar sua eficácia. Como? Mídias sociais são a resposta.
Como assim? Vamos dar um passo de cada vez. A sua melhor opção para chegar a um público amplo e relevante é por meio da mídia social. E com uma campanha de anúncios você pode aumentar de forma constante a sua base de fãs. Fãs relevantes com elevado potencial para a conversão. Com uma grande base de fãs você pode conseguir duas coisas: a sua publicidade se tornará mais eficaz, permitindo-lhe reduzir o gasto com publicidade, e, uma vez que você transformou seus fãs em verdadeiros evangelizadores da sua startup, você pode continuar a vender para eles, que irão sempre te mencionar quando puderem, gerando ainda mais fãs. É um ciclo vicioso.
Mas atenção, pelo amor de Mark Zuckerberg! Não saia por aí sorteando iPads como brindes quando o produto de sua startup não tem nada a ver com tecnologia ou você não tem sequer um aplicativo ou site iPad otimizado, ok?

3 – Leads, gere leads como se não houvesse amanhã

A capacidade de ouvir e monitorar o seu público-alvo naturalmente permite-lhe assumir o controle de conversas e, em última análise, gerar leads.
Comece construindo relacionamentos com seu público. Eduque e forneça soluções para os problemas que estão enfrentando. Com o tempo, você vai estabelecer a autoridade dentro de sua comunidade, e seu status como um especialista do setor vai aumentar. Um bom exemplo vem do sucesso da Xiaomi na China.
Eles lançaram seu primeiro telefone em 2011, e agora vendem mais telefones na China do que a Apple. A Xiaomi utiliza uma estratégia brilhante para cultivar e, finalmente, transformar fãs em clientes – e em defensores fiéis. A Xiaomi criou um fórum para o seu aparelho MIUI OS (que roda Android), e transformou seus usuários pioneiros no que eles chamam de “fãs Mi.”
Esses usuários participaram dos testes de sistemas operacionais em diversos telefones Android e dão feedback, muitas vezes postado no fórum oficial da empresa. O número de usuários começou a crescer porque mais pessoas participavam das discussões. Logo, o fórum cresceu a um ponto no qual eles tinham várias seções principais que discutiram vários temas.
Perceba que em nenhum momento a Xiaomi tenta vender o produto diretamente para esse grupo seleto criado por meio da geração de leads. Ela praticamente solicita a opinião de seus consumidores e os concentra em nichos como fóruns e eventos, geralmente cheios de formadores de opinião. A Xiaomi vendeu mais de 200 mil smartphones em menos de três minutos, durante o China Cyber ​​Monday.
É importante notar que a mídia social pode aumentar a sua base de fãs com leads qualificados e potenciais clientes, mas é mais importante observar que as mídias sociais podem ser diretamente responsáveis ​​pela geração de leads e vendas.
E não é o objetivo final de qualquer empresa startup?
Fonte: startup101.com.br/marketing-e-vendas/startup-midias-sociais

Sobre Priscila Torres

mm
O diagnóstico de uma doença crônica, em 2006, me tornou, blogueira e ativista digital da saúde. Sou idealizadora do Grupo EncontrAR e Blogueiros da Saúde. Vice-Presidente do Grupar-RP, presidente do EncontrAR. Apaixonada por transformação social, graduanda em Comunicação Social "Jornalismo" na Faculdades Unidas Metropolitanas.

Além disso, verifique

Saúde Mental – Entre o neurológico e o psiquiátrico

Com o objetivo de promover reflexões sobre os problemas de saúde mental que afetam mais …

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto:
Pular para a barra de ferramentas