Home / Notícias / Possibilidade de surtos de doenças transmitidas por mosquitos aumenta no Verão

Possibilidade de surtos de doenças transmitidas por mosquitos aumenta no Verão

Mosquiteiro magnético para portas e janelas é uma das soluções contra a ação dos insetos durante a estação do verão em todo o Brasil 

  • “Uma solução disponível no mercado para estagnar a ação dos mosquitos é a tela mosquiteira Block Insetos. O produto tornou-se um parceiro essencial na prevenção da propagação do mosquito Aedes Aegypti.”

As altas temperaturas registradas ao longo do verão e o alto índice de chuvas resultam em um ambiente propício para a proliferação de doenças transmitidas por mosquitos. De acordo com o Ministério da Saúde, durante a estação mais quente do ano, 504 cidades do país estão com alto risco de desenvolverem um surto de doenças causadas pelo Aedes Aegypti e outros 1881 municípios estão sob estado de alerta.

Diante disso, os órgãos competentes deverão intensificar o trabalho de prevenção, porém, a população também pode buscar soluções preventivas, desde vacinas até produtos que impeçam a ação dos insetos, como mosquiteiros magnéticos.

Doenças transmitidas pelo mosquito Aedes Aegypti – dengue, zika, chikungunya – tiveram 333 982 casos notificados até o dia 13 de dezembro de 2018. Em boletim divulgado no mesmo mês pela Secretaria de Vigilância em Saúde, a dengue é a patologia mais recorrente, com 159.718 casos confirmados, seguida pela chikungunya que registra 65.480 casos e Zika com 3.625. Em relação a febre amarela, entre julho e dezembro, foram 382 casos notificados, dos quais 149 permanecem em investigação e 1 foi confirmado.

O Ministério da Saúde anunciou, também em dezembro, medidas que facilitariam o monitoramento dos novos casos, com o lançamento do aplicativo SIVector, e a implantação de ações preventivas como a entrega de carros exclusivos para essa finalidade.

No que tange à proteção, há a disponibilização de vacinas, porém, nem todos podem ser imunizados a partir dela, como crianças abaixo de seis meses, pessoas com reação à vacina em dose anteriores ou anafilaxia à vacina ou aos componentes da vacina (como ovo de galinha, gelatina bovina ou outros), indivíduos com história prévia de doenças do timo, que tenha sido submetidos a transplantes de órgãos, pessoas com HIV e com baixa imunidade, dentre outros grupos de risco.

Dessa forma, a população pode aliar vacinação a outros meios para se precaver. Além da utilização de repelentes, outra solução disponível no mercado para estagnar a ação dos mosquitos é a tela mosquiteira Block Insetos, que impede a entrada dos insetos e é fabricada em 10 diferentes opções de tamanhos, atendendo infinitas dimensões de janelas, bastando apenas que a tela adquirida seja um pouco maior que a janela onde será instalada para ter uma vedação integral.

Em função de seu exclusivo sistema de fitas magnéticas, a tela pode ser fixada em diferentes tipos de superfícies: alumínio, madeira, PVC, alvenaria ou ferro.

O produto, patenteado, tornou-se um parceiro essencial na prevenção da propagação do mosquito Aedes Aegypti. “É preciso mostrar que existe uma solução efetiva, adaptável a diversos cenários, fácil de se usar e de ótimo custo benefício para proteção das famílias contra os riscos das doenças transmitidas pelos insetos, ainda mais no período de altas temperaturas”, afirma a empresária Luane Moliterno, idealizadora das telas.

A startup também desenvolveu a cortina mosquiteira magnética, que veda as portas por meio de uma estrutura composta por duas folhas de telas mosqueteiras e acabamento em imã na costura. “Quando uma pessoa passa pela cortina, a força de atração entre os imãs garante que a tela se feche e, novamente, o ambiente se torne protegido de insetos”, ressalta Luane Moliterno.

A instalação de ambos é muito simples, basta ter uma fita métrica, lápis e tesoura e adaptar o produto ao tamanho perfeito das janelas ou a medida da porta, sem ter que depender da disponibilidade de um instalador. Mas a grande vantagem é que o cliente tem a conveniência de adquirir o produto no site da marca, onde já pode definir dimensão da sua janela, cor da moldura e da tela e receber o produto customizado para instalar.

Sobre Priscila Torres

mm
O diagnóstico de uma doença crônica, em 2006, me tornou, blogueira e ativista digital da saúde. Sou idealizadora do Grupo EncontrAR e Blogueiros da Saúde. Vice-Presidente do Grupar-RP, presidente do EncontrAR. Apaixonada por transformação social, graduanda em Comunicação Social "Jornalismo" na Faculdades Unidas Metropolitanas.

Além disso, verifique

Dia Mundial da Alergia, médico explica como ar seco favorece alergia ocular

Incomodo pode até gerar casos mais graves, como ceratocone e conjuntivites A temporada outono inverno …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale Conosco
Suporte aos Pacientes
Olá, envie a sua mensagem para o nosso Programa de Suporte aos Pacientes