Home / Sem categoria / Abrami- Associação Brasileira de Miastemia

Abrami- Associação Brasileira de Miastemia

 

A Abrami está inscrita para o I Encontro Nacional de Blogueiros e Ativistas em Redes Sociais da Saúde.

A associação brasileira de miastenia tem como objetivo apoiar e lutar pelos direitos dos portadores miastênicos e seus familiares, contribuindo com o acesso à informação sobre a doença e seu tratamento.    http://www.abrami.org.br/abrami


Miastenia Grave
Miastenia
A miastenia grave (miastenia gravis) é uma doença crônica caracterizada por fraqueza muscular e fadiga rápida quando o músculo é exigido.
Esse cansaço tende a aumentar com o esforço repetitivo e a diminuir com o repouso. Daí o nome, que significa fraqueza muscular grave. É causada por uma súbita interrupção da comunicação natural entre nervos e músculos.
A miastenia grave (miastenia gravis) é uma doença crônica caracterizada por fraqueza muscular e fadiga rápida quando o músculo é exigido. Esse cansaço tende a aumentar com o esforço repetitivo e a diminuir com o repouso.
As palavras “Myasthenia gravis” têm origem grega e latina, “mys” = músculo, “astenia” = fraqueza e “gravis” = pesado, severo. Daí o nome, que significa fraqueza muscular grave. É causada por uma súbita interrupção da comunicação natural entre nervos e músculos.
Aparece mais freqüentemente como uma doença autoimune – causada pelo ataque de anticorpos às fibras musculares, impedindo a sua contração.Como resultado, as fibras musculares afetadas acabam se atrofiando ou se degenerando, causando dificuldades para realizar movimentos como abrir e fechar os olhos, falar, mastigar, engolir, mover a cabeça, pegar, andar.
Há também formas congênitas de miastenia grave, adquiridas por herança genética (no nascimento). Nessas formas, um ou mais genes – que são como receitas para a construção de proteínas no nosso organismo – apresentam mutações, que resultam em má-formação de estruturas nos nervos ou nos músculos e, conseqüentemente, em dificuldades para realizar movimentos.

Os sintomas mais comuns são:
Visão dupla
Ptose palpebral (pálpebras caídas)
Dificuldade para falar ou engolir
Cansaço ao mastigar
Dificuldade para respirar
Dificuldade de sustentação da cabeça
Fraqueza nos músculos dos braços e pernas
Cansaço rápido depois de movimentos repetitivos

Fatos sobre Miastenia Grave

A miastenia grave afeta apenas os músculos controlados voluntariamente. Não afeta, portanto, músculos do coração. Embora possa aparecer em qualquer idade, é mais comum em mulheres menores de 40 anos e homens maiores de 60 anos. Segundo dados da Organização Mundial de Saúde – OMS, de 3 a 5 indivíduos a cada 10 mil são afetados por miastenia grave. Embora ainda não haja cura para a miastenia grave, há tratamentos que, em boa parte dos casos, podem manter a doença sob controle e até fazê-la regredir. 

Sobre Priscila Torres

mm
O diagnóstico de uma doença crônica, em 2006, me tornou, blogueira e ativista digital da saúde. Sou idealizadora do Grupo EncontrAR e Blogueiros da Saúde. Vice-Presidente do Grupar-RP, presidente do EncontrAR. Apaixonada por transformação social, graduanda em Comunicação Social "Jornalismo" na Faculdades Unidas Metropolitanas.

Além disso, verifique

Pacientes oncológicos podem viajar?

Especialista alerta para os cuidados que pacientes que enfrentam câncer devem tomar na hora de …

um comentário

  1. Bom dia só portado de miastenia gravis desde 2009 esse ano tô sentindo muita fraqueza fala ruim engolir tbm. Tô tomando corticóide 20 MG, 2 mestinon de manhã e 2 omeprazol sera q corticóide não tá fazendo mais efeito?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para a barra de ferramentas